Antecipando o seu presente de natal, a Microsoft lançou oficialmente o  Team Foundation Service, nós já haviamos falado dele algumas vezes aqui mesmo no blog, quando ainda era uma uma versão “preview” (post1 e post2). É inegável que esta ferramenta vai auxiliar muito todos os desenvolvedores autônomos, pequenas e grandes empresas que precisam gerenciar todo o ciclo de vida do desenvolvimento, planejamento, acompanhamento e versionamento de código. Porém durante todo este tempo em que estivemos usando o “TFS Preview”,  muitas questões foram levantadas. Agora todas estas questões foram respondidas.

O serviço continuará de graça?

Sim. Existirão planos FREE e planos pagos. O melhor é que o plano FREE é mais do que suficiente para qualquer autônomo desenvolver seus trabalhos livremente.

O que o plano FREE me dá direito?

Você pode ter uma equipe de até 5 usuários e um número ilimitado de projetos. Além de todos sistema de gestão de ALM, com Work Itens, gestão de SCRUM e ferramentas de feedback.

Eu tinha feito uma conta quando o sistema ainda era “beta”, vou perder todos os meus dados?

Não. No meu caso, meu cadastro era “https://paulovich.tfspreview.com” e agora foi automaticamente migrado para “https://paulovich.visualstudio.com”. Não perdi dado algum, nem precisei fazer um novo cadastro. Já estou pronto para utilizar o serviço. Tudo que precisei mudar foi a configuração do TFS no meu VisualStudio em função da mudança de URL e nada mais.

E como ficarão os planos pagos?

Na verdade ainda não sabemos. Eles serão anunciados em janeiro.

image-tfs

Com o TFS, seu código é acessível a partir de qualquer lugar. Estamos todos na na nuvem agora, sua equipe pode começar rapidamente a desenvolver sem necessidade nenhuma de montar e gerir infra-estrutura. Você pode conseguir muitas outras informações disponíveis no link: https://tfs.visualstudio.com/en-us/learn/start/get-started/ (inglês).