Esse feriado está sendo abençoado, muitas boas vibrações no Magnificat. O evento deu uma cara nova a Getsêmani, são muitas pessoas vindas de caravanas de diversos lugares do Brasil. Pra pegar um bom lugar e assistir melhor a pregação agente tem que chegar cedo e mesmo assim é difícil conseguir um lugar lá na frente (que alegria né!). Compartilho com vocês um pouco do que rolou.

Sexta-feira

Tivemos a presença do Ricardo Robortella. Um som muito bom, de adoração mesmo. Se você não conhece o som dele, que tal procurar a música Que amor é esse?

100402_190954O Ricardo tem um grande carisma. Uma pena eu não conseguir um lugar perto do altar. Só consegui lugar na galeria e tive que ficar me esticando pra conseguir assistir (só alegria!).

 

 

 

 

Sábado

100403_211521A programação de sábado era a que eu tinha mais interesse, rolou de tudo. Tivemos um som de adoração com o Pr. Marquinho. Ele manda muito bem no teclado, e na animação no altar. Eu senti falta das músicas em francês que ele canta tão bem.

 

 

 

Tivemos também uma apresentação de dança com as meninas do Magnificat dançando o som contagiante Caravana Pra Israel. É amigos, não tirei foto nenhuma (se você não foi, perdeu).

Eu estava animado mesmo era com o Jó42. Eles mandam um som super legal e não deixam ninguém ficar parado. Na música Ninguém Vai ficar Parado tem uma brincadeira onde agente vira estátua e o som pára. Mas o baterista que estava substituindo estava tão animado que não parava de tocar. Foi preciso umas 5 tentativas pra ele entender a brincadeira.

Você lembra que no carnaval eu fui para o Acampamento da Getsêmani? Lá eu conheci muita gente, e me diverti muito com o Davi Garcia (esse cara é louco no PaintBall). Como agente tinha um tempo livre, juntamos com mais uma turma e fizemos alguns vídeos. O primeiro a ficar pronto é o que não fazer no acampamento da Getsêmani.

Terminamos a noite comendo um açaí ali no bairro. Eu mandei pra dentro um hamburgão, quase um litro de laranja com acerola e um açaí (Magnificat dá fome!).